A JANGADA DE PEDRA by José Saramago

By José Saramago

Racham os Pirineus, a Peninsula Iberica se desgarra da Europa. Transformada em ilha - Jangada de Pedra -, navega a deriva pelo oceano Atlantico.A esse espetacular acidente geologico somam-se outros insolitos que unem os quatro personagens principais do romance numa viagem apocaliptica e utopica pelos caminhos da linguagem e, por meio dela, pelos da arte e da cultura peninsulares.A insula iberica vagueia ao acaso de um mar tecido de muitos mitos e historia.A historia dos povos ibericos, Jose Saramago a conta e reconta pela memoria de um narrador, multiplo de si mesmo e dos personagens cujas andancas acompanha.Os mitos se costuram nas pedras da fratura de que se fez a jangada. Neles se recuperam as cronicas, peregrinacoes de herois anonimos ou notorios da identidade iberica, todos notaveis, D. Quixote entre uns, os peregrinos de Santiago de Compostela na Idade Media entre outros.Narrativa perfeita na qual os fantasmas do inconsciente pousam familiarmente no cotidiano; surrealismo vigoroso que torna o incomum realidade, criando as condicoes oniricas para virar o mundo as avessas e, entao, contar-lhe, com ironia e graca, os transtornos de erros e acertos, de enganos e desenganos.Posto assim ao contrario de si mesmo e de suas aparentes e reais firmezas, o mundo abre-se para a aventura ficcional da desconstrucao das certezas das palavras e dos objetos; deixa-se viajar no estranhamento que dai decorre; reencontra-se em signos velhos e cristalizados: signos novos contudo, nos enigmas em que se tornam, reveladores tambem nas fantasticas solucoes narrativas que desencadeiam.Carlos Vogt

Show description

Read Online or Download A JANGADA DE PEDRA PDF

Similar fiction books

Keeper of the Light (Kiss River, Book 1)

Dr. Olivia Simon is on accountability within the emergency room of North Carolina's Outer Banks health center whilst a gunshot sufferer is introduced in. halfway during the determined attempt to avoid wasting the younger woman's lifestyles, Olivia realizes who she is--Annie O'Neill. the girl Olivia's husband, Paul, is in love with.

The Sky Is Falling

On a spring day in 2004, Jane Z. a physician''s spouse and mom of a teenage son, opens her morning newspaper and is stunned to work out a well-known face at the entrance web page. Sonia, a misplaced pal accused of terrorism, has simply been published after two decades in criminal. all of it comes flooding again to Jane, how two decades earlier than her existence took a really diverse path.

The Accidental

The unintended is the dizzyingly pleasing, wickedly funny tale of a mysterious stranger whose unexpected visual appeal in the course of a family's summer season vacation transforms 4 variously unsatisfied humans. all the Smarts--parents Eve and Michael, son Magnus, and the youngest, daughter Astrid--encounter Amber in his or her personal solipsistic approach, yet by some means her presence lets them se their lives (and their existence jointly) in a brand new gentle.

I Like It Like That (Gossip Girl, Book 5)

It's spring holiday and love is within the air. Or is mixture of Chanel no. nine and Gucci Rush? Is there a distinction? Blair strikes in with Serena and they're again to being most sensible associates. yet will the love-fest final or will they prove tearing out one anothers newly highlighted hair? And talking of latest, Nate is at the instantly and slender, taking part in Nate-in-shining-armor to his loopy new female friend, Georgie.

Extra resources for A JANGADA DE PEDRA

Example text

José Anaiço e Joaquim Sassa entravam no carro, Dois Cavalos metia-se à estrada, e assim, andando e parando, parando e andando, chegaram à fronteira. Então disse Joaquim Sassa, E agora, se não me deixam passar, Vai tu seguindo, pode ser que os estorninhos. Tal como naquelas histórias de fadas, embruxamentos e andantes cavalarias, ou nas outras não menos admiráveis aventuras homéricas, em que, por prodigalidade da árvore fabuleira ou telha dos deuses e mais potências acessórias, tudo podia acontecer ao invés da repetição do costume, de não natural maneira, deu-se aqui o caso de pararem Joaquim Sassa e José Anaiço na guarita da polícia, posto fronteiriço em linguagem técnica, e sabe Deus com que ansiedade de alma apresentavam os bilhetes de identidade, quando, num repente, como pancada de chuva violenta ou furacão irresistível, desceram das alturas os estorninhos, negro meteoro, corpos que eram coriscos, silvando, guinchando, e à altura dos telhados baixos espalharam-se em todas as direcções, não seria diferente um turbilhão que tivesse enlouquecido, os polícias medrosos sacudiam os braços, corriam a refugiar-se, resultado, Joaquim Sassa saiu do carro para apanhar os documentos que a autoridade tinha deixado cair, ninguém deu pela irregularidade aduaneira, e pronto, por tantos caminhos se tem atravessado clandestino, assim é que nunca tinha acontecido, Hitchcock dá palmas na plateia, são os aplausos de quem é mestre na matéria.

Já vão nas terras de além os viajantes, com o seu dossel de pássaros acompanhantes, a caminho de Granada e arredores, e hão-de ter de pedir ajuda nas encruzilhadas, pois este mapa que os leva não regista a povoação de Orce, é grande falta de sensibilidade dos desenhadores topógrafos, aposto que da terra deles nunca se esqueceram, de futuro lembrem-se do vexame que é ir uma pessoa ao mapa ver se está lá o lugar onde veio ao mundo e encontrar um espaço em branco, vazio, desta maneira é que se têm gerado gravíssimos problemas de identidade pessoal e nacional.

Falta agora saber como se encontraram os três e por que estão aqui clandestinos, debaixo duma oliveira, única neste lugar, entre raras e confusas árvores anãs que se agarram ao chão branco, o sol reverbera em todas as chapadas, o ar treme, é o calor andaluz, apesar de estarmos no meio de um circo de montanhas, de repente tornámo-nos conscientes destas materialidades, entrámos no mundo real, ou foi ele que nos arrombou a porta. Pensando bem, não há um princípio para as coisas e para as pessoas, tudo o que um dia começou tinha começado antes, a história desta folha de papel, tomemos o exemplo mais próximo das mãos, para ser verdadeira e completa, teria de ir remontando até aos princípios do mundo, de propósito se usou o plural em vez do singular, e ainda assim duvidemos, que esses princípios princípios não foram, somente pontos de passagem, rampas de escorregamento, pobre cabeça a nossa, sujeita a tais puxões, admirável cabeça, apesar de tudo, que por todas as razões é capaz de enlouquecer, menos por essa.

Download PDF sample

Rated 4.58 of 5 – based on 32 votes